Loading...

Caros corajosos!

Saudações...sejam bem vindos ao meu humilde casulo que ainda teço!
Se não conseguirem compreender algo... nem tentem mais...até porque tudo o que aqui é mostrado sai da mente de uma pobre borboleta!
GRATA

"Torna-te quem tu és"!

"Torna-te quem tu és"!

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Valde eu te amo... incondicionalmente...
Não aparece mais nos meus sonhos, parece distante... eu não quero que vá embora, te quero junto comigo de alguma maneira...
Todos os dias me pergunto porque isso foi acontecer... a resposta nunca vem... essa de que as coisas acontecem porque devem acontecer não me basta, mas é a única coisa que tenho...
Faz quase um ano e três meses, e a ferida lateja... de lá pra cá quantas válvulas de escape aderi... devo estar te decepcionando... mas vou enlouquecendo dia a dia...
Eu estou perdida no tempo e no espaço... você não podia me faltar... não podia!
Ai Valde, dói tanto... ai Valde quantas vezes suplico que me busque!

Nenhum comentário:

Postar um comentário